4 dicas para criar um jardim debaixo da escada

Compartilhe

Foi-se o tempo em que as pessoas utilizavam plantas somente nas áreas externas de suas casas. Em consequência ao estilo de vida corrido e agitado, boa parte da população está tentando resgatar esses elementos para os ambientes internos, como uma forma de ficar mais perto da natureza e, de quebra, garantir um visual colorido e refrescante em um lar. E diante disso, o famoso jardim debaixo da escada tem feito muito sucesso.

Compacto e charmoso, esse tipo de projeto consegue aproveitar plenamente as áreas que não tem muito uso, permitindo que o morador consiga valorizar um imóvel e deixá-lo de acordo com a sua personalidade. Inclusive, na hora de criar o seu, é possível utilizar diferentes elementos, como pedras, vasos, suculentas e, até mesmo, pequenas correntes de água, alcançando assim, um resultado ainda mais original.

Gostou da ideia, mas não sabe por onde começar? Continue acompanhando o post de hoje. Nesta leitura, você verá dicas infalíveis para organizar o seu jardim debaixo da escada com total facilidade e rapidez. Confira!

[the_ad_group id=”72″]

1. Avalie o espaço disponível

Além de embelezar o local, o propósito do jardim embaixo da escada, ou jardim indoor, é aproveitar espaços que, até então, estavam mortos e esquecidos. Por isso, antes de iniciar o seu trabalho é sempre bom analisar as possibilidades dentro do imóvel.

Durante o planejamento, observe com cuidado se a área disponível pode ser aproveitada para essa finalidade, sem que, para isso, seja preciso realizar grandes obras ou comprometer outras atividades do seu dia a dia.

Também é interessante considerar o perfil dos moradores. Normalmente, esse projeto é indicado para quem deseja ter um canto verde, mas ainda não possui local suficiente para criar um extenso jardim externo.

jardim debaixo da escada

Foto: dwell.com

jardim debaixo da escada

Foto: hdesign.eugenevarlin.com

2. Escolha entre jardim seco e molhado

Um fato curioso, é que o jardim debaixo da escada pode ser classificado em dois grupos: os molhados e os secos. No primeiro, temos o uso de plantas normais e, dependendo das características do espaço, os moradores ainda podem instalar fontes ou mini lagos.

O segundo, por sua vez, tem relação com as estruturas construídas sem qualquer espécie de planta, utilizando somente pedras, móveis e itens decorativos para compor o visual. Práticos, esses modelos são ótimos para quem não entende ou não possui tempo suficiente para cuidar da manutenção das folhagens.

Já para adicionar um toque extra de sofisticação, ainda é possível incluir plantas artificiais no local, conquistando um aspecto mais vivo e próximo da natureza.

jardim debaixo da escada

Foto: archdaily.com

3. Use as plantas certas no seu jardim debaixo da escada

Um ponto básico, mas frequentemente esquecido por muitos clientes, diz respeito às espécies de escolhidas. Assim como todo jardim, você precisará ter atenção diária nas folhagens, sempre cuidando para que elas não morram e continuem apresentando um visual saudável.

Caso a ideia seja construir um jardim debaixo da escada, certifique-se de que, mesmo em um cantinho tão compacto, há entrada de luz natural, como pode ocorrer com janelas, portas ou claraboias.

Depois, invista em espécies de flores ou plantas capazes de se adaptar em ambientes não muito iluminados. A parte boa, é que existem inúmeras opções — basta escolher aquela que melhor se alinha ao seu estilo. As recomendações são:

  • Antúrio;
  • Begônia;
  • Cacto;
  • Dracena;
  • Lança de São Jorge;
  • Lírio da Paz;
  • Ráfis e por aí em diante.

jardim debaixo da escada

Foto: portaldearquitectos.com

4. Tenha cuidado na instalação

Por último, tenha o máximo de cuidado ao criar o seu jardim debaixo da escada. Para não ter problemas no futuro, é essencial considerar o tipo de piso que está presente ao redor das plantas e, se possível, verificar se é necessário — ou não — incluir uma camada extra de proteção para evitar o surgimento de infiltrações.

Veja lindas opções de plantas para comprar na Leroy Merlim.

Muitas vezes, esse processo também é realizado por moradores que acabaram de trocar os seus revestimentos do chão e não querem comprometê-los por conta do jardim indoor. Se estiver encontrando dificuldades, considere conversar com um profissional especializado no assunto e ponderar as alternativas mais indicadas para essa situação.

jardim debaixo da escada

Foto: archdaily.com

Viu só? Criar um jardim debaixo da escada é uma tarefa simples e pode estar mais ao seu alcance do que parece. Siga à risca as nossas recomendações e, rapidamente, o seu cantinho ficará impecável!

E agora que você já se familiarizou no assunto, não deixe de assinar a nossa newsletter e receber conteúdos exclusivos diretamente em seu e-mail. Será um prazer!

[adsforwp-group id=”69″]

Índice

Pronto para transformar o seu ambiente agora?

Do tamanho do seu orçamento. Gigante nas soluções.

Você também pode se interessar por

Assine e transforme seu espaço!

Deixe seu e-mail e receba dicas exclusivas de especialistas e as últimas novidades do Arquiteto de Bolso direto na sua caixa de entrada.