Modelos de janela: como escolher + ideias lindas para o lar!

Compartilhe

Você sabia que existem vários modelos de janela disponíveis no mercado? Atualmente, os moradores mais antenados no universo do design e arquitetura vêm investindo em versões diferenciadas, a fim de garantir resultados inovadores e fazer com que as suas residências ganhem mais estilo e personalidade.

Entretanto, antes de mergulhar nessa ambientação, você precisará tomar algumas precauções. Isso porque, cada opção conta com as suas particularidades e sistemas de funcionamento, sendo indicadas para necessidades específicas. Há, por exemplo, soluções ideais para quem deseja promover mais iluminação dentro de um cômodo. Já outras, ajudam a favorecer a ventilação natural e por aí em diante.

E para que você se saia muito bem nessa empreitada, resolvemos te dar uma força daqui para frente. No post de hoje, separamos dicas e inspirações que deixarão a sua residência mais aconchegante, bonita e com um clima de bem-estar imperdível. Acompanhe para saber mais!

[the_ad_group id=”181″]

 

Qual a importância de escolher modelos de janela corretos?

Há quem imagine que uma janela serve apenas para fazer com que entre mais ventilação em um determinado cômodo. Porém, muito além desse simples detalhe, tal estrutura possui papéis fundamentais na arquitetura de um imóvel. Entre as suas funções, podemos dizer que ela é serve para:

  • promover uma excelente iluminação natural;
  • favorecer o bem-estar dos moradores;
  • atuar como um verdadeiro elemento de decoração;
  • valorizar o design do espaço, adicionando mais beleza e charme para a fachada.

Logo, é essencial ficar de olho nos modelos de janela escolhidos. Durante o planejamento de sua obra ou reforma, verifique as necessidades de cada cômodo, sempre observando as vantagens e desvantagens das opções oferecidas pelos fabricantes.

 

Modelos de janela

Foto: elledecoration.se

Quais são os modelos de janela mais comuns?

No mercado de construção, os modelos de janela são classificados conforme o formato de abertura. Há aquelas que abrem na horizontal; enquanto outras, na vertical. A seguir, contamos resumidamente sobre os mais utilizados do momento.

Janela veneziana

Tais opções são, normalmente, compostas por seis folhas e indicadas para espaços em que o sol incide com muita intensidade. Ou então, para ambientes onde os moradores querem obter mais privacidade. Pelo seu design, a janela veneziana não promove muita ventilação, ainda assim, existem versões recentes que permitem a regulagem de suas palhetas.

 

Modelos de janela

Foto: southernliving.com

Janela de abrir

Tais alternativas contam com duas folhas, que podem abrir tanto para fora, quanto para dentro. Elas ainda atuam com um sistema composto por dobradiças, facilitando a entrada de ventilação e iluminação natural. Podem ser instaladas em diversos locais, especialmente em salas e dormitórios mais amplos.

 

Modelos de janela

Foto: tuacasa.com.br

Janela de correr

É um dos modelos de janela mais utilizados e modernos que existem. Conseguem ser instalados em diferentes tamanhos, apresentando, pelo menos, duas folhas. A opção também garante uma boa entrada de ventilação e luz solar, sendo recomendada para residências pequenas, uma vez que não ocupa muito espaço.

 

Modelos de janela

Foto: redvoice.gr

Janela basculante

Possui um sistema que funciona por meio de uma alavanca — que fica devidamente posicionada na lateral da estrutura, com abertura bem simples. É muito utilizada em espaços compactos, como banheiros, áreas de serviço e cozinhas, apresentando composição em

Modelos de janelavidro. O único ponto negativo, é que esse modelo pode proporcionar pouca ventilação para o local.

 

Foto: vivadecora.com.br

Janela maxim-mar

Conta com um sistema muito similar ao basculante — a única diferença, é que este abre somente para o lado de fora, e nunca para dentro. É uma versão altamente recomendada para cozinhas, lavanderias e lavabos, ambientes que necessitam do máximo de circulação de ar.

Já em se tratando dos banheiros, a maxim-mar apresenta uma vantagem extra, que é a privacidade. Dependendo do vidro utilizado, você conseguirá ofuscar a visão de quem estiver de fora, fazendo com que os moradores se sintam mais à vontade no momento de realizar as suas atividades de higiene pessoal.

 

Modelos de janela

Foto: amazon.com

Janela guilhotina

É formada por duas folhas, que são sobrepostas e apresentam um sistema exclusivo de abertura na vertical. Por isso, para que a estrutura seja aberta, os moradores precisam sempre empurrar uma das partes para cima. É uma alternativa que garante uma excelente ventilação, além de ter uma manutenção bem fácil e combinar com diferentes estilos de decoração.

 

Modelos de janela

Foto: terra.com.br

Janela sanfonada

Como o próprio nome revela, esse é um dos modelos de janela que possui as suas dobras como se fosse uma verdadeira sanfona. Tal opção é amplamente recomendada para cômodos que são espaçosos, adicionando uma pitada de elegância na produção do local. A única desvantagem está na limpeza, que tende a ser mais difícil do que as versões citadas anteriormente.

 

Modelos de janela

Foto: decoratorist.com

O que observar durante a procura?

Para uma escolha certeira — e segura —, você e os profissionais envolvidos na obra precisarão observar alguns detalhes importantíssimos ao longo do planejamento. Depois dos modelos de janela, é válido analisar atentamente os materiais que compõem essas estruturas.

Em geral, os vidros são os elementos mais utilizados, uma vez que conseguem deixar qualquer espaço bem iluminado, ampliando significativamente o campo de visão de todas as pessoas que estiverem presentes no local.

E mais: se você não quer evitar nenhum tipo de acidente, é bom ficar de olho nos materiais utilizados. Segundo a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), existem algumas alternativas que são mais indicadas para as janelas, como:

  • o vidro laminado;
  • o vidro temperado;
  • o vidro aramado.

Outros materiais

Existem mais alguns materiais que podem ser utilizados na estrutura da sua janela. A boa notícia, é que há soluções para todos os gostos, necessidades e estilos decorativos, cabendo a você decidir qual a melhor saída para o seu imóvel. Veja:

  • alumínio: resistente e de fácil manutenção. Ideal para ambientes mais úmidos, como os banheiros ou áreas de serviço;
  • madeira: adicionam um toque rústico na decoração e devem ser cuidadas periodicamente para evitar o surgimento de cupins;
  • aço: soluções econômicas e podem ser encontradas em diferentes cores, mas devem ficar longe de espaços com grande umidade para não enferrujar.

 

Modelos de janela

Foto: casadevalentina.com.br

 

Modelos de janela

Foto: thearchitectsdiary.com

 

Modelos de janela

Foto: wallsmag.co.il

Modelos de janela

Foto: casadevalentina.com.br

 

Modelos de janela

Foto: ina.arq.br

E aí, curtiu conferir as nossas dicas exclusivas sobre os modelos de janela + algumas inspirações para adicionar em seu espaço?

Agora, você já está com todas as informações necessárias para criar uma ambientação caprichada e deixar o seu lar do jeito que sempre sonhou.

Também aproveite para compartilhar o post nas redes sociais e dividir as dicas com outras pessoas. Os seus amigos também merecem ficar por dentro!

[the_ad id=”1415″]

[adsforwp-group id=”3739″]

Índice

Pronto para transformar o seu ambiente agora?

Do tamanho do seu orçamento. Gigante nas soluções.

Você também pode se interessar por

Assine e transforme seu espaço!

Deixe seu e-mail e receba dicas exclusivas de especialistas e as últimas novidades do Arquiteto de Bolso direto na sua caixa de entrada.