Psicologia das cores na decoração e seu bem-estar

Compartilhe

Você já sentiu que sua atenção estava a toda em uma sala com paredes amarelas, ou ficou com mais fome quando foi a um restaurante com decoração em vermelho vivo? Então você teve os efeitos que a psicologia das cores explica sobre o que cada tom causa nas pessoas.

Quando bem aplicada em um ambiente, uma cor traz efeitos muito positivos no estado emocional. As cores na decoração desempenham papel fundamental na criação de uma atmosfera do local. Seja uma área que você precisa relaxar, estudar ou fazer tarefas rotineiras, há uma cor que vai ao encontro do que você precisa.

Confira como as cores na decoração causam impactos nas suas emoções e descubra como aproveitar o melhor de cada uma em seu espaço, neste artigo!

[the_ad_group id=”72″]

Veja como a psicologia das cores promove sensações únicas

Amarelo

Psicologia das cores, quarto com decoração em amarelo

 

Imagem: Pinterest

Se você precisa de estímulo visual para criar, vá de amarelo. Essa cor quente traz a sensação de vivacidade e é ligada ao otimismo e força criativa. Ainda, esse tom desperta o ânimo e colabora para a iluminação local.

Ou seja, um tom perfeito para ambientes que exigem energia e criatividade, e também espaços pequenos e sem boa iluminação, seja natural ou artificial.

Veja artigos de decoração para casa, em amarelo, na Telhanorte!

Azul

Psicologia das cores, sala com decoração em azul

Imagem: Pinterest

Se a sua necessidade principal é criar um ambiente com clima mais profundo e que deixe o seu emocional equilibrado, escolha o azul. A psicologia das cores mostra que esse tom tem o poder de acalmar, portanto, essa é uma boa pedida de cor para quartos.

Ademais, tons escuros de azul causam a sensação de sobriedade e auxiliam na amplitude do ambiente. A cor também é uma boa escolha para ajudar a aliviar a sensação de calor durante épocas quentes.

Violeta

Psicologia das cores, sala com decoração violeta

Imagem: Pinterest

A cor ligada sempre ao místico e ao espiritual remete a paz de espírito e também à introspecção, além de ser ligada a sentimentos como ciúme e saudade. Usar esse tom em cômodos que pedem um ambiente mais calmo ajuda a promover o relaxamento. Além de levar a estados de consciência profundos, como os que a meditação conduz.

Apenas tome cuidado para não usar essa cor em excesso, pois ela pode ter um efeito melancólico como característica mais acentuada.

Rosa

Psicologia das cores, cadeiras rosas

Imagem: Pinterest

A psicologia das cores mostra que o rosa é um tom que estimula a criação e traz energia ao ambiente, ao mesmo que traz a ideia de acolhimento e do feminino. Ou seja, agora faz bastante sentido do porquê muita gente usa essa cor em quartos de meninas.

Vermelho

Psicologia das cores, sofá vermelho

Imagem: Pinterest

A tonalidade que tem destaque por onde estiver representa paixão, amor e confiança. Definitivamente, se você quer criar um ambiente radiante e que esbanja energia, opte pelo vermelho.

Por causa de suas características, o tom reforça a sensualidade e o tom romântico onde quer que esteja no ambiente, o que sugere que pode ser aplicado em quartos. Só não exagere nessa cor na decoração, pois ela causa um cansaço visual quando está além da conta.

Conheça diversas tintas vermelhas para o seu ambiente, na Telhanorte!

Preto

Psicologia das cores, decoração de sala de jantar em preto

Imagem: Pinterest

Cor sóbria, que traz elegância e distinção ao espaço, remetendo a clareza e assertividade. Ou seja, usar o tom no ambiente reforça a ideia de uma personalidade decidida e segura. Combinar esse tom ao branco também cria um efeito muito bonito e que equilibra um jogo do tipo sombra e luz.

Cinza

Psicologia das cores, sala com decoração em cinza

Imagem: Pinterest

O cinza é uma cor que transmite sobriedade, mas que também traz o simbolismo de monotonia, quando usado em excesso. Definitivamente, o cinza é uma tendência nas cores na decoração, que se mostra muito versátil, combinando com absolutamente qualquer tom.

Verde

Psicologia das cores, decoração em verde

Imagem: Pinterest

A cor verde representa vida e também está ligada a esperança, saúde e bem-estar. Acima dessas características simbolizadas pela cor, de acordo com a psicologia das cores, o tom melhora a concentração, o relaxamento e o equilíbrio. O que o faz uma boa aposta para escritórios e home office, e outros espaços que exigem uma boa dose de calma.

Laranja

Psicologia das cores, sofá laranja

Imagem: Pinterest

A cor laranja é classificada como cor quente, que remete a ideia de energia, intensidade e vitalidade. Como esse tom é bastante chamativo, é recomendado usá-lo com moderação em projetos, já que em excesso, estimula a agitação.

Também, é uma cor voltada à criatividade e a abertura ao novo. O que a faz perfeita para ambientes que pedem estímulos criativos.

Branco

Psicologia das cores, cozinha em preto e branco

Imagem: Pinterest

Praticamente o coringa dos tons quando o assunto são cores na decoração. O branco é perfeito para qualquer ambiente, porém, usá-lo em excesso traz uma sensação de monotonia.

Na psicologia das cores, o tom é ligado a sentimentos de equilíbrio, paz e tranquilidade. Na arquitetura e design de interiores, branco é o queridinho para ajudar na amplitude e luminosidade de ambientes, principalmente espaços compactos.

Marrom

Psicologia das cores na decoração e seu bem-estar ambiente marrom

Psicologia das cores na decoração e seu bem-estar ambiente marrom

Imagem: Pinterest

Amadurecimento, vitalidade e resistência. Essas sensações são promovidas com o marrom, que remete ao orgânico e terroso. Aplicado com madeira natural, traz a ideia do rústico e do conforto.

Dê uma olhada em itens na cor marrom, na Telhanorte!

Usar da psicologia das cores em seu espaço trará além de uma decoração que trabalha as suas sensações, também uma harmonia estética no ambiente. Ou seja, ganhos para você em todos os sentidos.

Siga o nosso Facebook e Instagram e veja conteúdos com várias dicas sobre arquitetura e decoração!

Imagens do post: Envato e Pinterest

[the_ad_group id=”69″]

Índice

Pronto para transformar o seu ambiente agora?

Do tamanho do seu orçamento. Gigante nas soluções.

Você também pode se interessar por

Assine e transforme seu espaço!

Deixe seu e-mail e receba dicas exclusivas de especialistas e as últimas novidades do Arquiteto de Bolso direto na sua caixa de entrada.